terça-feira, 17 de julho de 2012

Um Ano de Preservação e Restauro Cinematográfico



A National Film Preservation Foundation anunciou, recentemente, a atribuição de fundos para ajudar à preservação e restauro de mais de 60 títulos na posse de diversas instituições museológicas norte-americanas.

Dessas seis dezenas de títulos, contam-se obras de ficção raramente mencionadas na História do Cinema, filmes caseiros e documentários de interesse comercial, social e cultural.

Entre os títulos mais sonantes, destacam-se:


  • THAT OTHER GIRL (1913), comédia protagonizada por Chester Barnett e Pearl White, há muito considerada perdida; redescoberto dentro de uma lata com o rótulo "Niven" por um arquivador da Universidade do Sul da Califórnia;

  • DRIFTING (1923), de Tod Browning (foto em cima), melodrama sobre tráfico de ópio e protagonizado por Wallace Beery e Anna May Wong, então com 15 anos de idade; o restauro incluirá novos intertítulos;

  • THE SUN PROJECT (1956), colaboração filmíca entre o escultor Richard Lippold e o compositor John Cage;

  • 33 YO-YO TRICKS (1976), realizado por estudantes e que ganhou estatuto de culto nos últimos anos;

  • e ILLUSIONS (1982), curta documental assinada por Julie Dash, uma das primeiras realizadoras norte-americanas de ascendência africana.


Entre os filmes de cariz documental, existe enorme expectativa, por parte de historiadores, em relação a TWIN PEAKS TUNNEL (1917), sobre a construção daquele túnel ferroviário em San Francisco; MONEY AT WORK (1933), produzido pela American Bankers Association com o intuito de recuperar a confiança dos bancos sediados em pequenas cidades durante a Grande Depressão; 21st BIENNIAL CONVENTION OF THE CHINESE AMERICAN CITIZEN'S ALLIANCE (1950), que mostra uma reunião de líderes sino-americanos; THE HUDSON SHAD (1973), documentário ambiental realizado por George Stoney e com narração do cantor folk Pete Seeger; e IN ARTIFICIAL LIGHT (1982), sobre artistas nova-iorquinos, onde surge uma então desconhecida Madonna.

Os filmes preservados através deste programa da National Film Preservation Foundation serão disponibilizados ao público via sessões especiais, exibições, DVDs, televisão e Internet.

[Fontes: National Film Preservation Foundation e Smithsonian.]

1 comentários:

  1. Estas notícias são sempre agradáveis de ler. É bom saber que ainda muito se investe na preservação. :)

    Cumprimentos cinéfilos :*

    ResponderEliminar