quarta-feira, 12 de setembro de 2012

O primeiro filme a cores da História...



... não pertence a nenhum dos nomes incontornáveis da Sétima Arte.

A partir de hoje, esse "galardão" terá de ser atribuído a Edward Raymond Turner, que em 1899 patenteou, em Londres, um processo de colorização anterior ao Kinemacolour (inventado em 1909 e geralmente aceite como o primeiro método de colorização em cinema).

As experiências primordiais desse processo foram recentemente descobertas, 110 anos depois de terem ficado armazenadas e esquecidas numa pequena bobina, e restauradas pelo National Media Museum, sediado em Bradford.



O aspecto dos genuínos primeiros filmes a cores do Cinema — sim, observamos aqui à reescrita da História desta arte — podem ser agora apreciadas em todo o seu peculiar esplendor:



Entre as diversas conclusões que se podem extrair desta notícia, uma é inegável: a película de nitrato continuará a ser um manancial para uma redescoberta da História, seja ela artística ou não, tal como a conhecemos.

[Fonte: BBC News e NewScientist.]
Agradecimento especial: Paulo Soares.

1 comentários:

  1. Boa descoberta, nunca tinha ouvido falar sequer da possibilidade de filmes a cores tão cedo...ainda o cinema estava a gatinhar. Sempre aprendendo...

    Cumprimentos,
    Jorge Teixeira
    Caminho Largo

    ResponderEliminar